AI, CATHERINE, CATHERINE…

1386

Sinto-me um bocadinho envergonhada por ter de te escrever. Afinal, eu sou uma miúda ao pé de ti que já levas muitos mais anos do que a minha mãe e há uma certa humildade que nos envergonha se tivermos necessidade de corrigir uma anciã que, por definição, saberá mais do que nós por ter uma estrada maior.

Ler artigo completo ...