CARTA PARA A MINHA MÃE

3186

Olá Mãe,

Tantos anos se passaram, tantas coisas mudaram desde que partiste. A tua menina já não tem 7 anos mas é claro que já sabes, pois mesmo não estando fisicamente entre nós, sei que acompanhas tudo torcendo sempre pelo nosso melhor. Eu não falo quase nunca sobre ti a ninguém, não é por mal, mas às vezes é difícil aceitar que só pude passar os primeiros anos da minha vida contigo, que não estiveste comigo quando fiquei sem os dentes de leite, quando terminei a escola primária, quando me tornei “mocinha”, quando tive medo de enfrentar a adolescência e os seus enormes desafios. Tive medo de fracassar e de te decepcionar e só queria poder ouvir “Está tudo bem filha, ninguém é perfeito, sei que vais errar mas estarei cá para te apoiar, vou enxugar às tuas lágrimas, reclamar muito contigo, mas depois com um beijo e um abraço fica tudo bem no conforto dos meus braços”.

Ler artigo completo ...