RESPOSTAS NA PONTA DA LÍNGUA

4961

Quando era miúda, muitos eram os que me chamavam “respondona”. Lembro-me da minha avó estar sempre a fazer queixinhas à minha mãe pela minha insolência. Isto porque nunca me deixei ficar. Aquilo que achava mal, contestava. Quando era injusto, dizia. Quando me mandavam calar, só porque sim, pior ainda.

Ler artigo completo ...